Pré-temporada 2011 chega a Jerez

Hoje iniciou-se a segunda rodada de testes coletivos da pré-temporada da F1 em 2011, as equipes chegam em Jerez para treinar (obviamente) e se adaptarem às novas regras da categoria neste ano.

Hoje tivemos na pista todos os modelos oficiais das equipes para este ano, apenas a Hispania não esteve na pista espanhola; é bom assim, porque podemos já realmente ver como pode estar a situação de cada equipe para esta temporada. Ainda não se pode afirmar quem está bem ou ruim, pois é apenas a segunda sessão de quatro na pré-temporada, até a primeira corrida no Bahrein, mas a Ferrari já vai marcando seu lugar, brigou com a Red Bull lá em Valência, e agora Massa foi o mais rápido do dia, tanto pela manhã quanto pela tarde.

Os novatos das equipes vão mostrando resultados, Sergio Peréz da Sauber foi o segundo, e a promessa australiana Daniel Ricciardo, reserva da STR, ficou em terceiro; os meninos da F1 tentando garantir seus espaço. Sem muita movimentação na pista, as equipes aproveitam para analisar a aerodinâmica dos carros, e principalmente o estados dos pneus Pirelli. Os testes continuam amanhã em Jerez; e confiram os tempos de hoje:

1 F.Massa Ferrari 1:20.709 101
2 S.Perez Sauber 1:21.483 +0.774 94
3 M.Webber Red Bull 1:21:522 +0.813 94
4 D.Ricciardo Toro Rosso 1:21.755 +1.046 31
5 L.Hamilton McLaren 1:21.914 +1.205 58
6 J.Alguersuari Toro Rosso 1:22.689 +1.980 42
7 A.Sutil Force India 1:23.472 +2.763 28
8 V.Petrov Lotus Renault 1:23.504 +2.795 57
9 N.Rosberg Mercedes GP 1:23.963 +3.254 67
10 J.Trulli Team Lotus 1:24.458 +3.749 54
11 T.Glock Virgin F1 1:25.086 +4.377 42
12 P.Maldonado Williams 1:34.968 +14.259 13

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Anúncios

4 comentários em “Pré-temporada 2011 chega a Jerez

  1. Sente só este parafrago que o Ico escreveu.

    O inglês James Key, diretor-técnico da equipe Sauber, passou bons minutos do teste de ontem em Jerez colocado na beira da primeira curva, observando o comportamento do seu carro e dos adversários. Viu com atenção como as máquinas reagiam a uma freada forte em subida e uma curva de média velocidade à direita. E chegou à mesma conclusão que teve ao final dos testes da semana passada: “nenhum piloto retoma a aceleração tão rápido quanto o da Red Bull”, apontou Key ao repórter alemão Michael Schmidt.

    Viu como as vezes são os detalhes que definem a coisa e não os numeros?

  2. o bom nisto tudo, é que não temos a monotonia de outros tempos em que a ferrari corria sempre lá na frente e tiamos outra corrida pros outros carros. a criatividade dos projetistas e engenheiros estão cada vez mais avançada, e a beleza da F1 está ai. não importa quem estará melhor, o belo é ver carros e pilotos dando o máximo de si. parabens a todos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s