Realidades da F1

Ultimamente que vem acompanhando os testes da F1 este ano; para ser exato, essa última sessão em Barcelona, vem notando uma Red Bull um pouco mais forte do que antes. Talvez já era de se esperar isso, mas para alguns não; mas bem, o que vemos é uma equipe cada vez mais forte, tanto no sentido dos carros como em “equipe” também.

Mark Webber fez um tempo estrangulador da terça-feira, e Vettel andou na frente ontem. O carro dos austríacos já mostrou que está em 2011 para vencer, e se puder, tudo! Enquanto uns mostram mais do que precisam, a McLaren  já ficou para trás; seu carro inovador vem enfrentando problemas de aderência, e o próprio piloto da equipe, Lewis Hamilton declarou:

Se eu acredito que tenho um carro para vencer o campeonato neste momento? Não. Mas isso não significa que não virá a ser. Tivemos melhorias e, se continuarmos na direção certa, poderemos diminuir as diferenças e competir por vitórias.

Cheguei aqui esperando dar mais voltas, correr uma distância de corrida. Normalmente nesta época do ano já temos pit-stops e uma ou duas distâncias de corrida por dia. Mas não ficamos nem perto de completar uma.

Agora eles não têm carro, mas o desenvolvimento dele pode vir melhor no decorrer do ano; podendo talvez, dar o “pulo do gato” como fez Alonso ano passado. Mas isso já deixa a mostra de que pelo menos na fase oriental da F1, Red Bull e Ferrari podem estar no páreo das corridas; a não ser que as circunstâncias da prova ajudem a McLaren.

A Ferrari é um outro caso, andaram bem até  então, e trouxeram para Barcelona algumas modificações no carro, coisas parecidas com as da Red Bull. Pelo menos ontem não se mostrou muito na qurta-feira com Massa; mas ainda tido isso passa muito perto em nossa mente, pensamos aquilo que vemos. mas com certeza a equipe a estar na frente é a Red Bull.

Enquanto há equipes que mostram sua postura no campeonato, há aquelas (ou melhor, há uma) que agora que “confirma” seu segundo piloto. É o caso da Hispânia, que depois de muita conversa fiada, se diz que acertou com o italiano Vitantonio Liuzzi para 2011, o italiano declarou:

Estou realmente feliz por ter assinado o contrato com a Hispania. Nunca perdi a esperança de continuar na Fórmula 1 já que sabia da minha experiência para uma equipe nova e ambiciosa. Também terei muito trabalho para desenvolver o novo carro. Estou muito grato a Jose Ramon Carabante e a Colin Kolles por esta oportunidade.

Bem, anunciar seu último piloto anunciaram, agora é o carro que teve sua apresentação adiada para sexta-feira; um atraso na fábrica atrapalhou as atividades em Barceloma. O “novo” carro será guiado por Narain Karthikeyan e Liuzzi, a partir de sexta, tendo atividades em pista até sábado em Barcelona.

Anúncios

2 comentários em “Realidades da F1

  1. A Red Bull vai disparar na frente da tabela se os pilotos não cometerem nenhuma bobagem como faziam ano passado. Vai ser difícil segurá-los e estou ansioso para ver Massa na pista de novo. Acredito que ele vem forte esse ano.

    Quanto à McLaren, é uma pena. Gostaria de ver a equipe brigando por vitórias pau-a-pau com Red Bull e Ferrari, mas parece que isso vai demorar pra acontecer. Não duvido que vençam esse ano, mas não agora no início da temporada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s