Corrida em Montreal poderá ser uma das melhores do ano

Olá pessoal! Enfim, consegui arrumar um assunto para escrever a vocês aqui no blog; esses dias não vi nada de excepcional nas notícias da F1, então as atualizações ficam por conta do GP do Canadá.

E uma das provas mais animadas da F1 está por vir: o GP do Canadá sempre conta com belas corridas, duelos e emoções. Ano passado foi assim, e para alguns “críticos” da categoria, a melhor corrida da temporada passada. A pista é bem interessante, com longas retas e freadas fortes; o pouco arrasto aerodinâmico vai ajudar nas ultrapassagens.

Vamos começar com a asa móvel. Exclusivamente no Canadá e em Valência, a FIa decidiu criar duas zonas onde a DRS poderá ser usada; aqui já começa o “show” do final de semana. A primeira será a maior reta do circuito, a parte depois do “grampo”; e a segunda, depois da última curva, a chincane, na reta dos boxes. São duas possibilidades de ataques constantes de quem tentará a ultrapassagem; poderemos ver um piloto sendo ultrapassado na primeira reta, e na segunda dando o troco; sensacional ideia da FIA.

E como em todas as corridas até agora na temporada, e como será nas restantes, a grande incógnita da prova continua sendo os pneus. Ano passado houve um grande “imprevisto” da Bridgestone  (então fornecedora de pneus) que viu seus compostos se degradando muito no asfalto canadense; a corrida contou com várias paradas nos boxes, um número acima do normal, e o grande parte de quem acompanhou o GP gostou disso.

Hamilton foi o vencedor em 2010, e as paradas também

 Este ano não será diferente. Com o uso dos pneus super macios e macios em Montreal, a prova será uma “chuva” de paradas; já que a própria Pirelli afirmou que estratégias como a de Vettel no GP de Mônaco, de apenas uma parada, será impossível. Asfalto abrasivo, “consumidor”, e pneus menos resistentes; em Montreal, o recorde de paradas o ano poderá ser quebrado.

E outra, a previsão do tempo conta com a presença de água para o final de semana; a chuva poderá ser mais um atrativo para o GP Canadense; apesar de meio que “anular” as afirmações anteriores. Mas junte tudo isso, mas a “fome” dos pilotos pelas corridas, e o título do post poderá ser afirmado no domingo à tarde.

 —————————— ————————————- ——————————————- ————————————–

 Ufa! Enfim consegui estar aqui com vocês pessoal. Gosto do blog, mas parece que ultimamente tinha “travado”. Mas é benção, e ainda bem que não esqueci o jeito de escrever!

Anúncios

Um comentário em “Corrida em Montreal poderá ser uma das melhores do ano

  1. Diego,

    Se chover, infelizmente não teremos o DRS. Gostaria de ver como será uma corrida com duas zonas dessas. Além disso, as temperaturas parece que serão baixas, o que não desgastará tanto os pneus como seria com o clima do ano passado. Por outro lado, a pouca carga aerodinâmica propiciará mais disputas e com as fortes freadas, o desgaste aumenta.

    Será uma corrida espetacular sim, talvez a melhor até agora!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s