Quarentona Brasileira

Há 40 anos, a história do GP do Brasil começava a ser escrita. No longo e desafiador circuito de Interlagos, a F1 partia para sua primeira corrida em terras brasileiras.

Tratava-se apenas de uma corrida extracampeonato (na época, era necessário que o país sediasse uma corrida de “teste” para se entrar na F1), e consequentemente, não valeria pontos para o campeonato mundial. Mas não foi por isso que pilotos, equipes e público deixaram a primeira corrida no Brasil de lado.

A prova começou bem para os brasileiros; Emerson largou na pole, mas quem pulou na frente foi Wilson. Mas nem tudo foi felicidade; a sorte começou a mudar para nossos compatriotas, e Emerson (que liderava a prova) a poucas voltas do final, viu sua Lotus quebrar a suspensão traseira e lhe tirar a vitória.

Reutemann herdou a liderança e seguiu para a vitória. Ronnie Peterson foi o segundo e Wilsinho completou o pódio.

Mesmo sem a vitória brasileira, aquele foi o primeiro passo dessa grande história do GP do Brasil na F1. E um Grande Prêmio aonde já vimos acontecer de tudo: dilúvios caírem, vitórias milagrosas, e títulos decididos.

Anúncios

2 comentários em “Quarentona Brasileira

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s