Reprise “A verdadeira Páscoa”

Ultimamente o blog tem sido alvo de muitas visitas. O motivo: um post meu feito ano passado sobre o verdadeiro significado da Páscoa! Semana passada foram mais de 200 acessos só nesse post! Tudo isso para honra e glória do nosso Deus, que tem me dado a oportunidade de falar da tua palavra. Fiquem então com uma “reprise revisada” do post:

A verdadeira Páscoa

Em um mundo tão capitalista, e onde vivem os mais fortes, quase todas as datas comemorativas ganharam um “charme” de capital; é isso no Natal, Ano novo, Dia das Mães e dos Namorados. Consequentemente, a Páscoa não seria diferente. Ovos de chocolate e todos os derivados do mesmo fazem festa nessa época. Mas afinal, o que é a Páscoa? Seria a ressurreição de Cristo como se é comemorada no Brasil? Vou tratar desse assunto.

Como o Brasil é um país cristão, a Páscoa chegou até aqui, como o dia em que Jesus ressuscitou dos mortos. Mas pegando a Bíblia, e analisando ela, a verdadeira Páscoa já era comemorada muito antes de Jesus vir ao mundo; mas como assim Diego? A Páscoa em que se é comemorada no antigo testamento, é referente à libertação do povo hebreu, das mãos dos egípcios; conhecida também, como festa dos pães sem fermento.

http://alexandremilhoranza.files.wordpress.com/2010/09/exodo.jpg?w=600

Este dia será um memorial que vocês e todos os seus descendentes o comemorarão como festa ao Senhor. Comemorem-no como decreto perpétuo. Êxodo 12:14

Celebrem a festa dos pães sem fermento, porque foi nesse mesmo dia que eu tirei os exércitos de vocês do Egito. Celebrem esse dia como decreto perpétuo por todas as suas gerações. Êxodo 12:17

Mas agora, o que nós temos a ver com os israelitas? Quem é cristão e segue os mandamentos do filho de Deus, tem um judeu que “mora dentro dele”; a essência de Jesus está dentro de cada servo dele. Trazendo essa ideia para nossas vidas, a Páscoa deve ser comemorada como um dia de libertação, Deus já nos libertou das mãos dos inimigos, por isso celebremos com júbilo ao Senhor. Até o próprio Jesus Cristo celebrou a Páscoa:

No primeiro dia da festa dos pães sem fermento, os discípulos dirigiram-se a Jesus e lhe perguntaram: “Onde queres que preparemos a refeição da Páscoa?” Mateus 26:12

Continuando a leitura de Mateus, Jesus morre logo no capítulo 27. E como Jesus morreu logo na época da comemoração da Páscoa, a “nova ideia” que ficou (“para os desinformados”), é a que todos conhecem hoje, a da ressurreição de Cristo, a comemoração da Páscoa. Já que todos já foram libertos da servidão (no Êxodo), nada melhor do que comemorar a nossa libertação, e a ressurreição do nosso Salvador, o Senhor Jesus Cristo.

E o Brasil sendo um país cristão, e se seguíssemos “ao pé da letra” a tradição judaica, ao invés de dar ovos de chocolate às pessoas, deveríamos dar pães sem fermento! Pois é!

https://teamtrindade.files.wordpress.com/2011/04/festa-pascoa-jesus.jpg?w=266

Mas em Jesus somos mais que vencedores! Feliz Páscoa para todos!
Anúncios

Um comentário em “Reprise “A verdadeira Páscoa”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s